Uniube Uberlândia forma primeira turma de especialização em Medicina Integrativa

24 de janeiro de 18
1 / 1

Aconteceu na última sexta-feira (19) a formatura da primeira turma de Especialização em Medicina Integrativa da Uniube Uberlândia. O curso tem por objetivo trabalhar com medicina alternativa e complementar, buscando tratamento dos pacientes através de dimensões bio-psico-sócio-espirituais promovendo, assim, a cura de forma integral do corpo e da mente.


O conceito de Medicina Integrativa é original dos Estados Unidos e Canadá, onde os primeiros estudos apareceram por volta da década de 70 e, desde então, tem conquistado espaço nas instituições de ensino do mundo todo, uma vez que, tem apresentado resultados positivos no seu método de tratamento.


Foi vendo esse interesse, tanto por parte dos profissionais, quanto por parte dos pacientes que a Uniube Uberlândia abriu a primeira turma de Medicina Integrativa em 2016, com 18 alunos. No curso os alunos tiveram contato com os principais conceitos da Medicina Integrativa, sendo eles:



  • A parceria entre paciente e médico;

  • A consideração de todos os fatores que podem influenciar na saúde (corpo, mente, espírito);

  • O uso de terapias naturais em parceria com tratamento convencional;

  • O uso de conceitos cientificamente atestados para promoção da saúde e prevenção de doenças;

  • A abordagem interdisciplinar e transcultural no processo de autoconhecimento e desenvolvimento;

  • O reconhecimento de que a boa medicina deve ser baseada em boa ciência e aberta a novos paradigmas.


O curso é voltado para profissionais das áreas de medicina, medicina veterinária e odontologia, com duração de 19 meses, entre aulas práticas e teóricas. Os interessados devem fazer sua pré-matrícula no site da Uniube: www.uniube.br