Psicologia Uniube realiza 8ª Semana das Lutas de Maio

17 de maio de 21
1 / 1

A 8ª Semana das Lutas de Maio da Uniube começa nesta segunda-feira (17) e vai até a próxima sexta-feira (21). O evento, promovido pelo curso de Psicologia, tem o objetivo de debater e expor, durante toda a semana, os temas: Luta contra o Racismo, Luta em prol da Adoção, Luta contra a Violência contra a mulher, Luta contra as LGBTfobias e Luta Antimanicomial. Os encontros serão on-line e abertos ao público.


Os encontros, que são organizados pela Comissão Organizadora dos Eventos da Psicologia (COEP), têm o objetivo de ampliar o processo formativo dos alunos, por meio de discussões, debates e conferências sobre temas e lutas pertinentes ao processo de formação de um psicólogo(a). "São momentos, territórios e espaços de construção e ampliação do conhecimento para além do cotidiano da sala de aula. A cada novo evento, nós, da COEP, discutimos cada parte que irá compor o esqueleto final do evento, abrangendo desde a data para a realização do evento até as artes para divulgação. Para essa Semana das Lutas de Maio, trouxemos lutas sociais, pois percebemos a necessidade de escuta e de voz, a partir da emergência que percebemos, por exemplo, na decorrência dessas causas sociais", conta o estudante do 5º período de Psicologia, integrante da COEP, Arthur Oliveira Santos.


A semana será dividida da seguinte forma: dia 17 - temas relacionados à luta antimanicomial e a favor da neurodiversidade; dia 18 - sobre a luta contra o abuso sexual e o feminicídio e a favor do feminismo; dia 19 - com atividades sobre a luta contra a LGBTQIA+fobia e a favor da diversidade; dia 20 -com a luta pró-adoção e contra o abandono afetivo; e, por último, dia 21 sobre a luta contra o racismo e à xenofobia. "Particularmente, espero que tenhamos interesse e participação ativa do público que irá prestigiar esse evento que foi preparado com tanto cuidado desde a reunião inicial. Por outro lado, espero que as discussões e momentos ofertados gratuitamente possam afetar e contribuir de alguma forma para a graduação dos estudantes de Psicologia da Uniube e para o público em um contexto geral", continua o aluno.


O evento é gratuito, aberto, e todas as reuniões serão realizadas pelo Google Meet. Os interessados podem obter mais informações na página da comissão pelo Instagram @coep.uniube. "Em nome da comissão, quero desejar que todos os participantes tenham momentos ricos de conhecimento e que deem a devida importância para as lutas", finaliza Arthur.


 


Programação completa, a partir das 15h30:


Segunda (17/05)


 


Avanços e desafios da luta antimanicomial


Me. Felipe Magalhães


20 anos da Lei de Reforma Psiquiátrica no Brasil: algumas reflexões


Dra. Isabel Carniel


Aspectos gerais no conhecimento da doença de Alzheimer


Dr. Wladimir Fighera


Dados e relatos sobre violência contra mulher e feminicídio


Advogada Anna Maia Andrade


Os manicômios e a disseminação da cultura manicomial


Dr. Gregório Kazi e Esp. Sérgio Marçal


 


Terça-feira (18/05)


 


Políticas públicas e o enfrentamento da violência contra a mulher


Dra. Maria Leticia Fagundes


O papel da inteligência emocional na manutenção da saúde mental diante da pandemia


Psicóloga Natália Pereira Santos


Relato de caso: síndrome cromossômica rara


Psicólogo João Paulo Oliveira


Dança criativa: psicologia do movimento


 Ma. Marcela Amaral


Gênero e colonialidade: diálogos entre o pensamento decolonial e os feminismos


 Ma. Camila Dutra


Aula Magna: a Reforma Psiquiátrica como luta contra necropolítica


 Prof. Dr. Silvio Yasui


 


Quarta-feira (19/05)


 


Diversidade é apenas chamar para a festa?


Psicóloga Allana Letícia Perez


Sexualidade e envelhecimento da população LGBTQIA+


Ma. Izabella Crema


Luta contra a LGBTQIA+fobia


Me. Henrique Ciabotti Elias


Cuidados paliativos: uma abordagem ampla


Dr. Paulo Guilherme Canassa


O olhar da psicologia analítica junguiana para a homossexualidade


Psicólogo Rodrigo Almeida


 


Quinta-feira (20/05)


 


Adoção: desafios da contemporaneidade


Ma. Camila Borges


O fim da relação conjugal: mudanças na família e prevenção ao abandono afetivo


Advogado Fábio Pinti e psicólogo Mauro Silva


Feminismos, cuidado e responsabilidades


Ma. Lacilaura Costa


Inclusão escolar e atendimento pedagógico hospitalar: uma ação para além dos conteúdos escolares


Ma. Cláudia Aparecida e Ma. Cíntia Gomide


A importância das oficinas preparatórias para pretendentes à adoção


Psicóloga Mariana Cecílio e psicóloga Ana Mafalda Azor


 


Sexta-feira (21/05)


 


Análise biopsicossocial do negro: o racismo como empreendimento da modernidade


Me. Sidnei Santos


Desafios e vivências em meio a neurodiversidade


Terapeuta ocupacional Lívia Ribeiro


O mal-estar da sociedade contemporânea: uma reflexão sobre as relações humanas


Psicóloga Catherine Carrier


Relações raciais, racismo e sofrimento psíquico: o que a psicologia tem a ver com isso?


Dra. Thaize Reis


O homem e a luta contra o racismo


Engenheiro de produção Rafael Guessi