Nota de Esclarecimento

19 de março de 21
1 / 1

Nota de Esclarecimento - UNIUBE - Universidade de Uberaba:


Notícia veiculada no "twitter", informa conflito agrário e ataques ocorridos na zona rural do Município do Prata(MG), envolvendo, indevidamente, o nome da Universidade de Uberaba - Uniube. Segue a notícia veiculada:


"Desde dezembro de 2020, trabalhadores rurais posseiros da fazenda Barreirinho, município do Prata(MG), que ocupam um imóvel de 128 hectares desde 2011, estão sendo barbaramente atacados por um suposto fazendeiro e dezenas de jagunços e milicianos".


"A propriedade é da Agropecuária Canabrava Ltda, uma empresa falida, pertencente à família Palmério, que é dona também da UNIUBE, Universidade de Uberaba, ....


"O senhor Mário Renato Palmério, filho da proprietária da UNIUBE, senhora Marília Palmério contratou dezenas de pistoleiros e jagunços para retirar do imóvel as famílias posseiros"...


"Noutro imóvel perto dali, também da família Palmério, onde vivem outros posseiros"...


Queremos ressalvar e melhor informar a respeito da notícia, já que a Instituição, UNIUBE, não poderia, de nenhuma maneira, ter tido sua imagem mencionada neste lamentável ato de violência:


1 -  A Agropecuária Canabrava Ltda pertence à família Assumpção e não tem nenhuma ligação com a UNIUBE. A UNIUBE não tem dono. É mantida por uma Associação Civil, sem fins lucrativos, que tem, no seu quadro social, 11 (onze) membros, entre eles a D. Marília Palmério Assumpção.


2 -  O sr. Mário Renato Assumpção, denunciado pelas supostas vítimas do esbulho, não integra os quadros da Instituição, tampouco figura como fornecedor ou prestador de serviços (interno ou externo). Logo, não possui nenhum vínculo com a Instituição.


3 -  Ele é filho de D. Marília Palmério Assumpção, que ao contrário do noticiado, não é "dona da Uniube", mas, sim, mera associada, que, tampouco possui assento na Diretoria da Instituição. Ela é, sim, uma das fundadoras da Agropecuária Canabrava Ltda.


4 - Condenamos que o nome de nossa Universidade tenha sido erroneamente mencionado em notícia a respeito de atos tão deploráveis, com riscos diretos à sua imagem e reputação.


5 -  Lamentamos, ainda, que o nome do nosso fundador, Prof. Mário Palmério, tenha sido indevidamente citado na notícia. O Prof. Mário Palmério é figura conhecida em todo o País, responsável pela abertura de escolas, incentivador do progresso de nossa região, intelectual, membro da Academia Brasileira de Letras, autor de "Vila dos Confins" e "Chapadão do Bugre", obras de destaque na literatura brasileira. Sua obra é perene e transcende sua contribuição em vida, encerrada com o falecimento na data de 24/09/1996.


6 - A Instituição Uniube, acima de qualquer interesse pessoal, segue comprometida na busca de seus objetivos sociais, na prestação de serviços de Educação e saúde, por meio do Mário Palmério Hospital Universitário, para toda a comunidade.


Por fim, a comunidade acadêmica da Universidade defende que todos os atos noticiados sejam devidamente apurados pelas autoridades competentes.


 


Marcelo Palmério


Presidente da Sociedade Educacional Uberabense e


Reitor da Universidade de Uberaba