Março Amarelo: HVU alerta para a prevenção de doenças renais em cães e gatos

11 de março de 21
1 / 1

Março é o mês destinado internacionalmente ao cuidado com doenças renais. A fim de unir a medicina humana com a medicina veterinária, o Hospital Veterinário de Uberaba (HVU) promove, neste mês, uma campanha destinada a conscientizar sobre a prevenção de problemas renais em cães e gatos, o Março Amarelo.

Os problemas renais e as consequências que eles podem trazer merecem atenção de todos, com os cachorros e os gatos isso não é diferente, por isso os donos precisam ficar atentos a qualquer sinal, além de fazer corretamente a prevenção. "O Dia Mundial do Rim em humanos é sempre comemorado na segunda quinta-feira de março e normalmente a medicina veterinária acompanha a medicina humana, por isso o HVU decidiu realizar esse alerta no intuito de destacar para os tutores de cães e gatos  as doenças renais, que são silenciosas e até fatais", explica o gerente clínico do HVU e médico-veterinário Cláudio Yudi.


Em 2020, foram atendidos 10.296 cães e gatos no HVU, desses 565 tiveram problemas renais.  A incidência maior de doenças renais em animais é em pacientes idosos. "Por isso, a prevenção e o diagnóstico por meio de exames complementares, como exame de sangue, urina e ultrassom, são importantes para o diagnóstico precoce. Mesmo sendo incurável, o diagnóstico precoce pode prolongar a vida do animal e fornecer qualidade de vida para o pet", continua o médico-veterinário.


As causas mais comuns para o aparecimento de doenças renais são: problemas hereditários, autoimunes, traumas graves, infecções bacterianas e intoxicações. "Alguns sintomas podem aparecer e alertar em relação ao tutor se o problema é renal. Os sinais mais comuns são: urinar mais que o normal, muita sede, diminuição do apetite, hálito forte e vômito frequente. Quanto mais precocemente os sintomas forem percebidos, mais rápido o tratamento deve ser iniciado", finaliza o gerente.