Curso de Farmácia da Uniube se destaca no aprendizado prático

20 de janeiro de 21
1 / 1

Facilidade de trabalho em equipe, vontade de aprender, boa comunicação e aptidão para gerenciamento de recursos são características essenciais para os interessados em um dos mercados mais promissores do Brasil: o farmacêutico. Conforme a pesquisa realizada pelo Conselho Federal de Farmácia, o país conta com cerca de 67 mil profissionais em atividade e mais de 97 mil estabelecimentos. Esses dados aliados aos vários setores de emprego tornam a área, comemorada nesta quarta-feira (20), atrativa para os estudantes.


Ao todo são mais de 70 oportunidades de atuação, sendo elas a de fármacos e medicamentos, análises clinicas, análises toxicológicas, fitoterapia, estética, hospitalar, homeopatia, indústria de medicamentos e cosméticos, entre outras. "Felizmente são muitas áreas de trabalho reconhecidas. Atualmente em razão do cenário atual e o desenvolvimento da vacina, encontramos em destaque a área da Indústria Farmacêutica e de Biotecnologia", conta a diretora do curso da Uniube, Renata Frange.


Durante a graduação na Uniube, o aluno recebe uma formação generalista com base nas diretrizes curriculares nacionais. "Durante o curso, os acadêmicos estudam sobre a importância e os efeitos colaterais dos fármacos e medicamentos, trabalham as análises clinicas com a coleta de material e avaliação do resultado e aprendem sobre as análises toxicológicas de medicamentos e drogas ilícitas", comenta.


Frange ressalta também a oferta de estágios como um fator positivo na formação dos estudantes. "O grande diferencial do curso da Uniube é o início dos estágios a partir do 3º período. Todos eles, com exceção dos feitos nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), são desenvolvidos em ambientes da Universidade. No Mário Palmério Hospital Universitário (MPHU) nós realizamos os estágios de farmácia hospitalar, de análises clínicas e drogaria. Isso faz com que nossos alunos estejam sempre sob a supervisão de um profissional farmacêutico que está vinculado ao curso", pontua.


Farmácia-Escola Uniube


A Farmácia-Escola da Uniube é parte integrante do curso na oferta de estágio curricular e tem o objetivo de desenvolver atividades de pesquisa, ensino e extensão. Com foco no desenvolvimento de habilidades farmacêuticas, os alunos têm acesso a um ambiente equipado para a produção de sabonetes, detergentes e álcool em gel; além de acompanharem o funcionamento de uma farmácia de manipulação


Renata destaca o projeto como um estimulo para o envolvimento de professores e alunos, em pesquisas e ações, que proporcionam novas parcerias e melhoram a visibilidade do farmacêutico e do curso, bem como, incentiva o crescimento. "A Farmácia-Escola é um espaço totalmente voltado para o curso de Farmácia, que desperta uma visão mais ampla nos estudantes, junto com orientação docente, permitindo uma formação mais completa", conclui a coordenadora.