Comissão Própria de Avaliação da Uniube realiza melhorias por meio de pesquisas institucionais

29 de junho de 21
1 / 1

A Comissão Própria de Avaliação (CPA) da Uniube é responsável por conduzir os processos internos de avaliação da Instituição. A CPA tem o objetivo de verificar se a Universidade está cumprindo os objetivos propostos e se os cursos ofertados estão de acordo com as diretrizes de qualidade educacional, propostas pelo Ministério da Educação (MEC).


A Comissão é formada por alunos, colaboradores, professores e representantes da comunidade. "Os resultados das avaliações produzidas pela CPA são utilizados como insumo para aprimoramento contínuo do planejamento e da gestão dos cursos. Com as avaliações, gestores, diretores e a reitoria podem identificar as causas dos problemas e deficiências e como está funcionando cada departamento, cada curso, cada disciplina e cada sala de aula", explica o coordenador da CPA, Nelson Rannieri Tirone.


Para a aluna integrante da Comissão, Wanessa Cristina Peres da Silva, o trabalho desenvolvido pela CPA é a oportunidade do aluno ter voz na Instituição. "O poder de fala avalia a Instituição, mas avalia também seus discentes. O aluno é a força que move a universidade para o caminho do sucesso. Sendo assim, a seriedade que temos com os instrumentos da comissão avaliadora é a prática do exercício consciente da frase: Para cobrar é preciso participar!", destaca a psicóloga e estudante de Direito da Uniube.


Wanessa recebeu um convite para fazer parte da CPA e viu nele uma oportunidade de participação ativa e relação com o papel que tem como aluna da Universidade. "Participo das reuniões periódicas com a comissão. As reuniões sugerem pautas pertinentes ao desenvolvimento contínuo dos cursos. Eu participo da discussão sobre a eficácia dos instrumentos avaliadores. Colaboro com ideias e com meu olhar de aluna e também com a minha experiência profissional", complementa.


Por meio da CPA já foram feitas reformas e ampliações de espaços, climatização de laboratórios, instalações de ar-condicionado em salas de aulas teóricas, de novos bebedouros de água pelo campus, manutenções prediais, ampliação das redes de wi-fi, substituição de equipamentos nos laboratórios de informática, melhoria na iluminação do campus e reforma da policlínica de Odontologia. "Fique atento, aluno(a), quando você for convidado para participar de uma pesquisa no AVA não perca a sua chance de nos ajudar a melhorar a sua instituição e o seu curso", conclui o coordenador Nelson Tirone.