Arquitetura Uniube firma parceria com PMMG para reforma de batalhão

23 de abril de 21
1 / 6
2 / 6
3 / 6
4 / 6
5 / 6
6 / 6

O Escritório Modelo de Arquitetura (EMA), do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de Uberaba (Uniube), atenderá a um projeto de reforma para o 67º Batalhão da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG). O projeto de mudança da fachada e entrada principal do batalhão foi idealizado pela arquiteta, Profa. Janaína Tosta, e apresentado pelas arquitetas e também professoras, Carmem Silvia Maluf e Ana Paula Marega, e aprovado pelos militares. Nesta sexta-feira (23), a iniciativa também foi apresentada ao presidente da Sociedade Educacional Uberabense e reitor da Uniube, Marcelo Palmério.  


A PMMG já é parceira da Uniube há anos, em diversos projetos, como a Rede de Universitários Protegidos, mas essa será a primeira vez que a PM fecha uma parceria com a Arquitetura. 


Segundo a diretora do Curso de Arquitetura e Urbanismo e Design de Interiores, Carmem Maluf, essa será uma oportunidade de mostrar o trabalho e profissionalismo da equipe do EMA, que se compromete a prestar todo o apoio necessário durante o processo de reforma.  "Contamos com uma equipe de arquitetos, docentes, projetistas em BIM e alunos estagiários e bolsistas. A PM irá licitar a obra, e nós faremos questão de dar todo o apoio possível para sanar as dúvidas que possam surgir durante a obra", comenta.  


Para o Comandante do 67º Batalhão, Tenente Coronel Michel, esse projeto fornecerá ostensividade e visibilidade a todos os militares lotados no batalhão. "O projeto elaborado pelas arquitetas é bonito, inovador e apresenta modificações na entrada da Unidade, principalmente na fachada, além de melhorar e facilitar o acesso às dependências do Batalhão. O estacionamento também será ampliado e arborizado, aumentando a nossa capacidade de atendimento. Esse projeto contempla todas as questões ambientais e de sustentabilidade, aliando modernidade com preservação ambiental. Agradeço imensamente as arquitetas da Uniube pela parceria indispensável na reforma do 67º Batalhão", explica o Tenente Coronel Michel.


Ainda segundo o comandante do batalhão, o projeto, agora, será protocolado junto à Prefeitura de Uberaba para aprovação e liberação do alvará de construção, a fim de dar início às obras.