Alunos de Medicina Veterinária visitam fazenda para aprendizado prático

10 de julho de 19
1 / 3
2 / 3
3 / 3

Os alunos do 4º período do curso de Medicina Veterinária da Uniube realizaram uma visita na Fazenda Ipê de Ouro. A visita faz parte das atividades desenvolvidas na disciplina Bovinocultura de Corte, ministrada pelo professor Maurício Scoton e tem o objetivo de apresentar aos alunos as tecnologias e desenvolvimento da pecuária de corte no Brasil.


De acordo com o professor Maurício, são realizadas cerca de cinco visitas a fazendas da região, na disciplina. “A apresentação foi feita por um ex-aluno da instituição, Leandro Nepomuceno Lemes dos Santos, e possibilitou a demonstração de uma fazenda funcional e enxuta, também como a gestão de pessoas e de recursos são os principais desafios da pecuária lucrativa”, conta.


Leandro mostrou ainda as fichas de controle zootécnico, manejo reprodutivo e manejo alimentar e de pastagens. “Ele destacou ferramentas como adubação e a integração lavoura-pecuária, como o caminho de aumentar a produtividade em fazendas”, continua o professor Maurício.


Houve também a apresentação dos animais, dentre eles os touros Nasik e Buda, clones de animais de alta genética e safra de tourinhos para a produção de bezerros de corte. “Isso possibilitou a discussão de características importantes na seleção e melhoramento genético da raça. A estrutura e funcionalidade dos animais realmente impressiona, mostrando o resultado de anos de seleção e critérios consistentes”, destaca o professor.


Para a graduanda Giovanna Rodrigues Goulart, as aulas práticas de bovinocultura de corte mostram tudo que é ensinado em sala de aula. “Com visitas como essa, nós podemos ver a realidade da fazenda, o manejo dos animais, como eles são tratados, como é a seleção deles, principalmente quando voltada para a genética. Isso nos forma de maneira diferenciada e diminui os desafios que nós teremos quando nos tornarmos profissionais e agirmos fora do ambiente acadêmico”, comenta.


A visita na Fazenda Ipê contou com o apoio e parceria do presidente da ABCZ, Arnaldo Manual Machado Borges, e do consultor pecuário João Marcos Machado Borges. “A fazenda IPÊ ouro é referência em genética a partir da criação da raça Nelore, preservando suas características naturais e durante a visita foi possível observar todas elas, como temperamento, rusticidade, fertilidade e habilidade materna”, complementa a aluna.


“A Uniube agradece à Ipê Ouro pela abertura da fazenda para os futuros médicos veterinários, que possibilitou a visualização na prática de um grande trabalho de seleção funcional na pecuária de corte do Brasil”, finaliza o professor.